De Paulo Mello a 20 de Agosto de 2009 às 16:03
Cris, estou aqui com os olhos marejados, tal a emoção que tu nos passaste com tão bela história de vida. A forma como tu relatas quase que nos põe dentro do enredo e nos deixa ali, aquietados, só esperando o desenrolar dos acontecimentos. As fotos são de uma ternura só. Belas fotos! Rosto e mãos que nos inspiram confiança, aconchego, ternura. Tudo muito lindo, Amiga, entrelaçando as nossas lembranças em sentimentos e emoções que vão ter nascente nas tuas próprias reminiscências. Grato pelo momento tão bonito que nos proporcionaste.

Cris, sábado terei que dar por encerrado um período de minha vida, quer eu queira ou não, pois a tua/nossa Calunguinha subirá ao altar para unir sua vida a de uma pessoa que ela escolheu para seguir seu destino. Devo dizer que ela está feliz, Cris, e de alguma forma também estou feliz por ela. Vê-la sorrir novamente para a vida foi um presente para mim, mesmo que não seja eu a esperá-la no altar. Somente um amor assim tão altruísta quando o meu poderia regozijar-se desta maneira. Mesmo que lá no fundo do coração, num recanto escondidinho de minh'alma, os olhos chorem de saudade e solidão...

Em breve mando um Email para ti, porque hoje quero apenas recolher-me dentro de mim mesmo.

Mando aquele abraço afetuoso de sempre,
teu amigo distante,
PMello

em tempo: vai tudo sem revisão.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.